Vem, cara, me retrate/Não é impossível/Eu não sou difícil de ler/Faça sua parte/Eu sou daqui eu não sou de Marte/Vem, cara, me repara/Não vê, tá na cara, sou porta-bandeira de mim/Só não se perca ao entrar/No meu infinito particular(...)"

.tags

. todas as tags

.Janeiro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.les moines boudhistes- my spirit flies

.posts recentes

. ser supreendida!

. facebook...

. voltar aqui

. pontuação...

. cigarro tecnológico

. já tinha saudades...

. ó meu rico menino!

. como quero me sentir!

. perdi-me...e não me consi...

. há quanto tempo anda nest...

. uma forma de vêr!

. uma verdade!

. Não custa nada fazer, é s...

. origem vegetal ou orige a...

. As respostas de um amigo

Quarta-feira, 12 de Julho de 2006

amores...ou outro titulo qualquer.

Hoje acordei ! também só podia... ontem ter sabido o diagnóstico do médico...deita qualquer um abaixo, mas nem vale a pena pensar, questionar ou mesmo pesquisar sobre o assunto, a setença foi dada e agora é só esperar e quando a hora apertar como ele diz : Já sabe. Para melhor passar o tempo dediquei hoje o dia a observar e nesta altura não é dificil encontrar assunto para tal o que há mais é gente de férias e então nos supermercados só dá casais... novos, médios mais idosos é só escolher e não imaginam o quanto me diverti a observá-los, foi de tal forma que nem á secção dos livros, música, e dvd´s fui, é engraçado ver as compras que fazem e a maneira como se tratam:

-Amor vai me pesar as maças! e o amor que não estava nada com cara de balança mas também não lhe apetecia retaliar lá foi. outros: - Querida não te esqueças da cerveja! e a querida que farta está de sentir o peso da barriga da dita, nada disse e limitou-se a colocar no carrinho pois nem isso o dito se dignou a fazê-lo. outros mais agressivos:- Oh pá quantas vezes já te disse que só pode ser light! tudo bem pensou ele mas para quê light? se a seguir colocas dois pacotes de açucar no café, ou te levantas de noite para comer três sandes !enfim muitos mais destes episódios dignos de filmes holiwoodescos se passam nos supermercados, tudo isto fez-me questionar sobre o tema amor, e todos os dias nascem e morrem amores uns com lágrimas outros com suspiros, uns morrem por traição, outros por desprezo, tédio, qualquer veneno ou arma mortifera pode matar um amor, no fim é só o separar dos sacos, da mobilia, do cão, do gato, dos filhos, e remoer o silêncio da pós-discussão, mas por mais que nos custe admitir a nós românticos todos os dias morre um amor, claro que também há quem diga que todos os dias nasce um amor e outros até chegam mesmo a afirmar que se um amor morre outro nasce no mesmo momento.

Amores-zombies- aqueles que com o passar do tempo lhes custa admitir que tudo já morreu mas continuam, em camas separadas, em sim´s continuados porque o não dá muito trabalho, em que o control  remoto e a conta bancária são os únicos bens que partilham.

Amores-vegetais-em que vivem em permanente recordar de amores passados, vegetam que nem letárgicos, por os corpos que vão dendelhando mas sempre com o cérebro no passado, amores não concretizados, amores sem sexo, amores mentais.

Amores-melancólicos- em que vivem num constante sofrer á espera do acto de misericórdia.

Amores-fénix- em que apesar de todas as dificuldades, das contas para pagar, do emprego-desemprego, do filho que não quer estudar, do cano que rompeu, das férias desastrosas, dos pêlos no lavatório, da tampa da sanita por fechar, do soutien e da cueca pendurada na banheira da máscara na cara, da roupa espalhada no chão, das discussões e lutas que não levam a nada, conseguem renascer das cinzas e ali estão seguros, existem alguns incrédulos que dizem que esse amor não existe, eu como romântica acredito que sim, podem ser raros mas existem.

E por fim por que se faz tarde que amor quero eu? um amor-fada, um amor-unicórnio,ou de outra lenda qualquer, um amor imaginário de beleza rara e pura. 

música: over the rainbow - the wizard of oz

publicado por bruxabouga às 21:30

link do post | comentar | favorito
|

.porque sou de 67 - Brel

.é só carregar no play e pause na Mylene...

.mais sobre mim

.links

.contas

Search this website:

Powered by Apollofind.com

.as minhas fotos

.arquivos

. Janeiro 2010

. Julho 2009

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.pesquisar

 

blogs SAPO

.subscrever feeds