Vem, cara, me retrate/Não é impossível/Eu não sou difícil de ler/Faça sua parte/Eu sou daqui eu não sou de Marte/Vem, cara, me repara/Não vê, tá na cara, sou porta-bandeira de mim/Só não se perca ao entrar/No meu infinito particular(...)"

.tags

. todas as tags

.Janeiro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.les moines boudhistes- my spirit flies

.posts recentes

. ser supreendida!

. facebook...

. voltar aqui

. pontuação...

. cigarro tecnológico

. já tinha saudades...

. ó meu rico menino!

. como quero me sentir!

. perdi-me...e não me consi...

. há quanto tempo anda nest...

. uma forma de vêr!

. uma verdade!

. Não custa nada fazer, é s...

. origem vegetal ou orige a...

. As respostas de um amigo

Segunda-feira, 7 de Agosto de 2006

porque tenho andado distante...

não tenho escrito, distanciei-me um pouco de tudo isto, não porque nada tenha a dizer mas estava a começar a entrar num campo algum privado, a internet tem destas coisas uns criam blogs para puro exibcionismo outros porque vão na maré, outros ainda talvez aí eu me inclua porque num momento de loucura aderiram a tão grande rede, enfim resolveram colocar por letras todos os pensamentos por mais absurdos que sejam ou mesmo sem interesse algum para quem quer que seja senão para nós mesmos e até aí nesse facto coloco algumas dúvidas, tenho o hábito de não reler nada que escrevo nem para rectificar algum possivel erro ortográfico, sei que num acto de impulsividade de imediato deletava, enfim mas por aqui continuo, umas vezes mais bem disposta outras nem por isso, o que para aqui escrevo nem mesmo tem o intuito de ser lido é tipo sei lá uma sessão de terapia, fica mais barato, o único problema mesmo é a exposição, mas também segundo dizem por cada 7 pessoas no mundo alguém conheçe alguém... tudo circula no mesmo o que eu diga ou escreva alguém decerto faz e diz o mesmo, nada é novo. O interessante da net é que ao criarmos um pseudonimo criamos uma personagem que até pode ter muito a ver connosco mas nós achamos que ninguem nos conheçe e então abrimos as portas, janelas até os ralos da nossa existência, resultado expomos tudo o que temos de uma forma silenciosa e achamos que estamos seguros, mostramos aquilo que cara a cara muitas das vezes não temos coragem de fazer, ao criarmos esta personagem acabos por ser o herói da nossa história aqui não existem barreiras tudo pode ser criado como nós queremos. Um dos outros factores interessantes é o grupo de pessoas que acabamos por conhecer que embora desconhecidos sejam acabam por saber de nós mesmos e vice-versa que se de grandes amigos se trata-se, aqui não existem obrigações não é necessário a hipócrisia, acreditamos que debaixo desse pseudonimo ninguém realmente sabe quem somos e aí quando damos por ela tudo está a nu. Por falar em nu claro está que depois existem aqueles pervertidos, que aproveitam todo este mundo para desenvolver a sua mentalidade pérfida aí esses mais valia estarem quietos no seu mundo de inseguranças.

Depois existem aqueles coragosos que assinam os seus blogs com os seus verdadeiros nomes com esses é-nos possivel ser mais leal, não existe o receio de por uma eventualidade acontecer que em vez de estarmos a falar com um suposto desconhecido mas sim com o vizinho do lado ou mesmo como já aconteceu com o companheiro ou companheira, essa quando soube achei graça, aí sim eram mesmo as chamadas almas-gémeas, até no escuro se encontraram.

Conclusão a internet é um mundo imenso e desconhecido, e saber que em qualquer parte do mundo te podem estar a ler dá-me uma certa sensação de vertigem, há que ter alguns cuidados não nos deixar-mos envolver por esta teia, mesmo naqueles ciclos chamados mais restritos, tipo orkut, multiply,etc, que de restritos nada têm acho que deve haver uma certa cautela ao colocar a mão na tecla, enfim apeteceu-me hoje deixar isto amanhã até posso mesmo revelar um dos meus segredos mais escondidos quem sabe...


publicado por bruxabouga às 17:04

link do post | comentar | favorito
|

.porque sou de 67 - Brel

.é só carregar no play e pause na Mylene...

.mais sobre mim

.links

.contas

Search this website:

Powered by Apollofind.com

.as minhas fotos

.arquivos

. Janeiro 2010

. Julho 2009

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.pesquisar

 

blogs SAPO

.subscrever feeds